Notícias

Imagem

Federação dos Metalúrgicos é eleita representante do Conselho Municipal de Política Étnico Racial

Curitiba conta com um novo Conselho Municipal de Política Étnico Racial (Comper) e a Federação dos Trabalhadores Metalúrgicos é uma das oito organizações da sociedade civil que vão indicar os novos conselheiros. A eleição correu nesta terça-feira (19/11), no Salão Nobre da Prefeitura.

Agora, cada entidade escolhida vai indicar um representante para ser conselheiro do Comper. A posse será feita no dia 10 de dezembro. O novo conselho vai exercer o mandato por quatro anos, de 2020 até 2024. 

Os nomes indicados pela Federação serão dos srs. Pedro Paulo da Silva e Robson Jamaica, que já atuam e possuem um trabalho consolidado na Promoção de Igualdade Racial.

Mês da Consciência Negra

O processo eleitoral para escolha das entidades que vão formar o Comper durou cerca de 30 dias e as eleições foram coordenadas pela Assessoria de Direitos Humanos – Promoção de Igualdade Racial. A escolha do Comper faz parte da programação da Prefeitura para o Mês da Consciência Negra 

“O Comper é a representação da sociedade civil junto ao governo municipal e vai auxiliar na construção das políticas públicas para todas as etnias”, explicou a assessora da Promoção de Igualdade Racial da Prefeitura, Marli Teixeira Leite.

 

Comper

O Conselho Municipal de Política Étnico Racial - COMPER tem por finalidade garantir, promover, proteger e defender os Direitos Humanos da Comunidade Afro-Descendente (negros, negras e indígenas) do Município de Curitiba.

O mandato de membro do Conselho é de 4 (quatro) anos, permitida uma recondução.

A função de Conselheiro é considerada de caráter público relevante e exercida gratuitamente.

O COMPER é um órgão consultivo, deliberativo e fiscalizador e não está sujeito a qualquer subordinação hierárquica, ou político partidária preservando o exercício de suas atribuições.

 

Comente esta notícia